PUBLICIDADE

Página Principal : Linguística


FUNCIONALISMO E FORMALISMO: OPOSTOS E POSTOS



FUNCIONALISMO E FORMALISMO: OPOSTOS E POSTOS

Prefácio

A evolução teórica sobre linguagem gerou um grande viés nos estudos e nas pesquisas lingüísticas em geral. Essa separação do que é interno à língua (estrutura) e do que é considerado em seu meio de uso (comunicação social) mantém de FORMA estanque, uma teorização da outra, ocasionando debates sobre o que seria mais importante pesquisar dentro da Lingüística. É importante ressaltar que essas teorias já estão consagradas e em uso nas pesquisas. A proposta que aqui se segue, visa questionar se essa separação é realmente necessária e importante para uma melhor compreensão do processo de produção de linguagem pelo homem. Devemos adotar uma corrente teórica em detrimento da outra, ou será que uma junção traria uma melhor compreensão? Eis o principal questionamento levantado aqui. Desta forma, perceberemos que as idéias aqui presentes nada mais são do que uma concepção reflexiva, onde comentaremos os pressupostos de diversas teorias, suas análises, pontos de vista, para assim, tentarmos chegar a um senso comum.


Veja mais em: Linguística

Artigos Relacionados


- As Influências Do Movimento Landmarkista No Brasil
- Preconceito Lingüístico
- A Queda Da Bastilha
- Variabilidade Lingüística & Morfossintaxe Do Nome
- Apresentação Do Livro: Da Fala Para A Escrita
- Comunidade Lingüística
- Comunicação

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online